História do Pronaos Criciúma

Até 9 de maio de 1987 os Rosacruzes de Criciúma participavam das reuniões no Pronaos Tubarão. Durante estas viagens surgiram as primeiras conversas sobre um grupo de divulgação da Ordem Rosacruz. Em 1986 realizou-se a primeira reunião direcionada para estratégias de divulgação da Ordem, em uma sala cedida pela  FUCRI, atual UNESC, com a presença de sete membros. Na ocasião foi redigida uma petição a Grande Loja, pedindo autorização para execução destes trabalhos. Em resposta, a Grande Loja informou que havia número de membros suficientes para a fundação de um Pronaos. Assim, foi convocada uma assembléia onde compareceram 31 membros que assinaram uma ata para a elaboração do projeto de fundação do Pronaos Rosacruz Criciúma-AMORC.

A fundação efetiva deu-se em 08/05/1987. Ainda sem sede fixa, com as reuniões acontecendo em uma sala alugada no edifício Centro Profissional na área central de Criciúma, onde mais tarde deram início as convocações Ritualísticas, dirigidas pelo primeiro mestre, frater Luigi Cologni membro vitalício.

O reconhecimento por parte do município ocorreu em 26/09/1988, através da lei nº 2325 de declaração de utilidade pública. Após algumas mudanças de locais, o Pronaos recebeu uma doação de um terreno com àrea de 2.000m² no bairro Bosque do Repouso por parte da prefeitura, ocorrido em outubro de 2000. As obras de melhorias do terreno iniciaram-se em março de 2001, com a construção da atual sede (Provisória), sendo concluído em outubro de 2004, onde se estabeleceu definitivamente até a atualidade.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s